Skip Navigation Links

Pedro de Toledo

QUARTO INTERVENTOR

Período de governo: 03/1932 - 10/1932

Paulistano de nascimento, formou-se em Direito pela Faculdade de Recife – PE, no ano de 1884.Voltando para São Paulo, foi procurador fiscal da Tesouraria Provincial de São Paulo em 1885 e, em seguida, delegado e chefe de polícia interino de São Paulo (1889). Foi também comandante interino da Guarda Nacional, no ano de 1893. Passa então a atuar no poder legislativo, como Deputado Estadual entre 1895 e 1910. Nesse período foi fundador e membro da Academia Paulista de Letras, sendo titular da cadeira no 39. Sua vida pública passa para a área federal, quando ocupa os ministérios da Agricultura (1910/1913) e da Viação e Obras Públicas (1912). Passa então a ocupar a função de embaixador do Brasil, na Itália (1914/1917) e na Argentina (1919/1926). Volta para o Brasil e, em 1932, é nomeado Interventor Federal.Tomou parte ativa no movimento constitucionalista de 1932, sendo Comandante Civil da Revolução Constitucionalista. Organizou um secretariado desvinculado do Governo Federal. Após o episódio de 23/05/1932, quando foram mortos os estudantes Miragaia, Martins, Dráusio e Camargo, cujas iniciais deram origem ao movimento MMDC, foi aclamado Governador Civil da Revolução de 1932. É então aclamado governador pelo povo. Após três meses de luta, São Paulo foi derrotado e Pedro de Toledo deposto, preso e exilado, só retornando ao Brasil em 1934.



   
Copyright © 2017 Maçonaria Virtual